Relato de Parto da Natalia

Gratidão

Porque nós mulheres sabemos parir. Por isso hoje é o dia de fazer o meu relato de parto!
Eu pari num PD maravilhoso acompanhada das obstetrizes e doulas mais lindas, profissionais e respeitosas que eu já conheci, apoiada pela força do meu marido e as orações e cuidados constantes da minha mãe. O Joaquín chegou para esta dimensão no dia 1 de Dezembro de 2015 com 41 semanas + 5 dias.

Parto em casa

Desde que eu soube que estava gravida, queria muito ter um parto em casa, então falei com Omar meu esposo, e ele gostou muito da ideia, mas não sabíamos com que obstetra nem equipe a gente podia conseguir isso, então começamos procurar e perguntar, até que chegamos à Roda Bebedubem, na roda a gente se informou bem e começamos o nosso caminho na procura do PD. Nós não tínhamos plano de saúde então eu fiz o pré-natal pelo SUS, mas com algumas consultas particulares com a Dra. Rosana.

Gestação

A minha gestação toda foi ótima e muito tranquila, eu me sentia bonita, poderosa, feminina…foi, com certeza, a etapa mais linda e gostosa da minha vida. A DPP do nascimento do Joaquín era 19 de novembro, mas essa data chegou e o Joaquín não…ele estava muito feliz na barriguinha, rsrsrs.

40 semanas e agora

Chegamos à semana 40… semana 41 e com elas os cardiotocos, a ansiedade e o medo de não conseguir parir em casa, essas semanas estavam acompanhadas de contrações fortes pelas noites, mas contrações que não engrenavam. Comecei a falar com o Joaquín, eu lhe dizia coisas lindas, amorosas…que já estávamos prontos para receber ele, que aqui tudo era maravilhoso e que estávamos ansiosos de ter ele conosco! Quando completei 41 semanas a doutora me falou que se eu chegasse a completar 42 semanas eu teria que fazer o parto no hospital, porque não daria mais para ser PD…eu fiquei apavorada com essa ideia, então quando fiz 41+ 4 tomei homeopatia, a minha Doula Erica, fez rebozo, escalda pês, tomei chás apimentados, fiz tudo o que eu pude para induzir o meu parto de forma natural.

Primeira contração forte

No dia seguinte às 4h30 senti uma contração muito forte, mas eu achei que era mais uma daquelas que não engrenavam, mas a dor foi tão forte que eu comecei a me queixar e o Omar acordou. Eu falei para ele que não era nada, que continuasse dormindo, mas depois veio outra bem forte de novo, e nesse momento eu escutei a minha bolsa estourar e logo o liquido começou sair, eu pulei rapidinho da cama e sai correndo para o banheiro, saiu um pouco de liquido, mas depois parou….no entanto as contrações continuaram. Estávamos felizes, fui para o chuveiro e as contrações continuavam, estavam de 4 em 4 min, então o Omar ligou para a Erica, e depois acordou a minha mãe que estavam dormindo no outro quarto.

Doula

A Erica chegou à casa às 6h, acompanhada da nossa amiga Leticia (doula recém-formada) e eu estava chorando de felicidade!!! A Erica revisou o ritmo das contrações que já estavam de 2 em 2 min, então falou para Omar ligar para a Thaís e a Natalia. Elas chegaram por volta das 7h e a Fabiana, minha fotografa, chegou também. Tudo estava indo tranquilo, eu estava me deixando ser levada pelas ondas, a Erica e a Leticia faziam massagens maravilhosas que me ajudavam surfar nessas ondas dolorosas.

Língua Materna

As músicas me ajudava nesse belo transe…entrei na banheira achando que aquela água morna ajudaria… mas fiquei muito tempo na água e já estava ficando cansada, tanto que já não conseguia falar em português, esqueci completamente o português, e comecei a falar em espanhol rsrsrs mas elas entendiam tudo o que eu falava. Eu sentia que o Joaquin não descia, então comecei a pedir ajuda. A Thaís me falou de mudar de posição, aí fomos para o quintal onde tinham um pano pendurado de uma viga…eu pendurei nele mais aquela posição não ajudou.

Tirar de dento de mim

Aí fomos de novo para dentro de casa, eu estava achando que não ia conseguir, e falei para Omar que precisava de um aparelho que tirasse ele de mim, mas ele me falou que o único aparelho para tirar ao Joaquín de mim era eu mesma com as minhas contrações…aquilo para mim deu muita força! Então tentei mais uma vez uma outra posição que também não deu certo, até que finalmente encontrei a posição!!!!

Círculo de Fogo

Fiquei de quatro apoios no chão, cada vez que vinha uma contração eu pegava a perna do Omar que estava sentado ao meu lado. A Erica também estava ao meu lado me ajudando com palavras de força e amor, me abanando e oferecendo suco de laranja para que eu tivesse energia. Depois senti aquele ardor, aquele círculo de fogo que tanto ouvi falar, mas que nunca imaginei que fosse tão forte, tão dolorido…eu escutava a minha mãe chorar de alegria vendo seu neto coroar…escutava o Omar e a Erica me dizendo “Vamos Nati, o Joaquín já está chegando!!!” Omar estava se preparando para ser a primeira pessoa que pegasse o bebê, más eu não deixei ele, ele estava me sustentando e eu pensava que se ele fosse para outro lugar eu não ia conseguir parir.

A chegada

O Joaquín chegou, foi a Natália quem pegou e logo passou para Omar, que rapidamente entregou para mim. O Joaquín veio para meu colo lindo, cálido e com os olhos abertos reconhecendo essa nova dimensão, essa nova família. O meu troféu no meu colo, o meu esposo ao meu lado e a minha mãe chorando de alegria ali comigo, o que mais eu podia pedir??
Agradeci ao meu filho por ter chegado, porque eu nasci com ele, agradeci a minha mãe por ter me dado a vida, e agradeci a essa equipe maravilhosa que esteve conosco nesse caminho.
Hoje eu só tenho palavras de gratidão!! Erica LimaThaís Peloggia CursinoNatalia Carolina Faria e Rosana Fontes.

Deixe seu comentário